Plasfran

quinta-feira, 23 de junho de 2011

Poeta Nicodemos Araújo foi homenageado em Acaraú

Numa noite de bela homenagem ao poeta Nicodemos Araújo, promovida pela Secretaria de Cultura e Turismo de Acaraú que tem a frente o jovem Wandick Mesquita, e realizada no auditório da EEEP Marta Maria Giffone de Sousa, os convidados e visitantes tiveram o prazer de conhecer um pouco mais sobre a historia do poeta e historiador que nasceu na então vila de Santa Cruz, em 10 de março de 1905, hoje, cidade de Bela Cruz.


Nicodemos Araujo escreveu valiosos trabalhos sobre a região norte do Ceará, notadamente sobre Bela Cruz e Acaraú. O poeta é autor de 12 livros de poesias, 12 de historia, com incursão pelo teatro, biografia e genealogia.


Obras estas que pôde ser conferida com a exposição do acervo bibliográfico, arquivo fotográfico, medalhas condecorativas e objetos (caneta, óculos, relógio, prato, bolsa e paletó) de propriedade do poeta Nicodemos Araújo que pertenceu a Academia Sobralense de Estudos e Letras, Academia Cearence de Letras, Academia de Letras Municipais do Brasil a União Brasileira de Escritores. Nicodemos Araújo faleceu há exatos 12 anos, 23 de Junho de 1999.




Durante a homenagem ocorreu o I Encontro de Escritores do Vale do Acaraú, oportunidade em que personalidades da região e do estado receberam cada qual o Troféu Nicodemos Araújo de reconhecimento cultural. Ao evento estiveram presentes vários escritores e poetas da região, políticos, secretários municipais, jornalistas, radialistas, educadores e estudante. Entre os presentes, compareceram a Sra. Conceição Tomaz, sobrinha do poeta acarauente, considerado o Príncipe dos Poetas, o Padre Antônio Tomaz, e o professor Ambrósio, da Universidade Estadual Vale do Acaraú, representando o homenageado Vicente de Freitas.



Houve a apresentação da Banda de Música Municipal Maestro Milton Gomes, além de apresentação do Quinteto da Banda Municipal de Cruz que recepcionou os presentes, os músicos que entoaram músicas clássicas, além do Hino de Acaraú (letra de Nicodemos Araújo).



Foram homenageados com o Troféu Nicodemos Araújo, o escritor e professor Dimas Carvalho; o pesquisador e comerciante Lucivan Rios (Totó Rios); o bispo de Limoeiro do Norte, Dom Edmilson Cruz; o cordelista José de Fátima Silva; o primeiro Secretário de Cultura de Acaraú, Francisco José Ferreira Gomes; e o escritor Vicente Freitas. No final do evento, houve ainda a palestra “O papel do escritor nos dias de hoje”, ministrada pelo professor José Luis Lira, advogado, escritor e membro da Academia Cearense de Letras.

O Secretário de Cultura e Turismo de Acaraú, Wandick Mesquita, ressaltou que o evento é muito importante para o resgate cultural, uma vez que leva “os grandes vultos da cultura a trocarem experiência com os mais jovens, que passam a conhecer um pouco mais dos que se destacam no campo cultural, além do evento ser um importante passo na valorização do patrimônio histórico-cultural”. O secretario ressaltou ainda que “nem todo esforço seria o bastante para homenagear os escritores premiados, de tão grande importância histórico-cultural, além da importância em se lembrar e homenagear personagens tão fundamentais a nossa região, como Nicodemos Araújo”.



A solenidade foi encerrada com uma homenagem a Nicodemos Araújo, com cordel escrito pelo poeta José de Fátima intitulado “Eternas saudades, Manuel Nicodemos Araújo”.


A partir do dia de hoje, 23/06, a exposição sobre Nicodemos Araújo ficará aberta a visitação na Biblioteca Pública que leva o seu nome, situada na Rua Major Coelho, s/n, no Centro do Município, em frente à Praça do Colégio Virgem Poderosa. O horário de visitação é de 7h30min às 11h30min e de 13h30min as 21h.

Image and video hosting by TinyPic

0 comentários:

Postar um comentário