Você Repórter!

Você Repórter!

quinta-feira, 21 de janeiro de 2016

Guarany está de volta a Série A do Campeonato Cearense

Mais uma reviravolta extracampo. O Tribunal de Justiça Desportiva de Futebol do Ceará (TJDF/CE) acatou o mandado de garantia do Guarany de Sobral e definiu pelo regresso da equipe à Série A do Campeonato Cearense 2016 e, consequentemente, pelo retorno do Itapajé à Série B. A decisão é de caráter liminar e, portanto, ainda irá depender de um julgamento para ser mantida.

A solicitação do Cacique do Vale foi entregue ao TJDF/CE pelo departamento jurídico do clube, na última segunda-feira, 18, e aprovada pelo presidente do Tribunal, Jamilson Veras, nesta quarta (20). 

"Ele (Guarany) atendeu os requisitos que impunha a Lei do Profut, que modifica o artigo 10 do Estatuto do Torcedor. Então se ele cumpriu as exigências da mesma forma que o Tiradentes, que não tinha cumprido e depois cumpriu e retornou, o Guarany foi reestabelecido", definiu Veras, acrescentando que o clube deveria ser reestabelecido à elite de forma administrativa, via Federação Cearense de Futebol (FCF), mas como isso não aconteceu, o TJDF/CE precisou intervir juridicialmente.

O Guarany de Sobral foi rebaixado de divisão pela FCF, antes mesmo do início da competição, por apresentar certidões negativas de débitos falsas. Na última sexta-feira (15), um dia antes do pontapé inicial do Estadual, o Guarany entregou os documentos válidos (o prazo dado pela FCF foi de 20 dias anteriores ao começo da competição).

A FCF deve se manifestar em breve sobre a definição do TJDF/CE e as mudanças da tabela do Estadual 2016. Na última segunda-feira, 18, a Federação já havia se pronunciado de que acataria a decisão tomada pelo Tribunal.

Denúncia
Além de ter ganho a queda de braço com a Federação, o Guarany conseguiu mais um triunfo nesta quarta-feira. O clube não foi denunciado pelo TJDF/CE devido à susposta falsificação de documentos entregues à FCF. . De acordo com a procuradoria do Tribunal, os denunciados serão o presidente do Guarany, o diretor financeiro e o representante do clube na FCF.

Diário do Nordeste

0 comentários:

Postar um comentário