Papelix

ANUNCIE NO BLOG O ACARAÚ

Pesquisar no blog

Você Repórter!

Você Repórter!

quinta-feira, 17 de março de 2016

Comércio ilegal em Acaraú: empresário é preso com quase 700 munições

Mais de R$ 10 mil em munições foram apreendidas

Imagem: Ronda do Quarteirão de Acaraú
Em cumprimento de mandados de busca e apreensão a Polícia Militar de Acaraú apreendeu R$ 10 mil em munição nesta quarta-feira, 16. A Polícia diz que o armamento era comercializado por pai e filho, ambos empresários.

Segundo o comandante do Ronda do Quarteirão de Acaraú, major Fred Rafael , durante o período do Carnaval deste ano um dos suspeitos foi preso por porte ilegal de arma de fogo.

“Ele estava com um revólver e foi preso. Informamos a promotora de Justiça e pedimos mandados de busca porque havia informação de que ele estava vendendo munição", explicou.

O mandado de busca e apreensão aconteceu na casa de um dos suspeitos, em uma pousada que também funcionava como uma espécie de albergue, de propriedade do suspeito e no comércio localizado no centro do município, pertencente ao pai dele, Tadeu Sousa Melo, foi preso.

Foram apreendidas munições de calibre 38, 12, 32, 28, 24, 20, 36, 380, 44 (de uso restrito), além de frascos de pólvora. O major diz que o material era vendido para qualquer pessoa, algumas das munições eram vendidas para caça de animais.

Conforme o oficial, as munições eram vendidas entre R$ 7 e 14. O mandado de busca e apreensão foi expedido pelo juiz da comarca de Acaraú, César de Barros Lima. Pai e filho foram encaminhados à Delegacia Regional de Acaraú, mas ficou preso somente Tadeu e uma pessoa que foi levada como testemunha de acusação. O suspeito cujo a PM havia identificado foi liberado.

O Povo

0 comentários:

Postar um comentário