Você Repórter!

Você Repórter!

quarta-feira, 25 de maio de 2016

Manoel Duca defende projeto que altera Estatuto do Desarmamento

O deputado Manoel Duca (PDT) destacou, durante o primeiro expediente da sessão plenária da Assembleia Legislativa, o projeto de lei propondo mudanças no Estatuto do Desarmamento. O documento, que está tramitando na Câmara Federal, amplia o porte de armas de fogo, sendo de autoria do deputado Laudívio Carvalho (PMDB/MG). Segundo o parlamentar, o número de homicídios está crescendo no Brasil. “Deveriam permitir que o cidadão se defenda. Não se pode negar o direito de defesa de uma pessoa. É um absurdo o brasileiro não poder promover a sua própria defesa”, assinalou.

O deputado ressaltou que o Estatuto do Desarmamento foi criado em 2003, opondo-se ao plebiscito. “Foi contra a opinião do povo. As pessoas querem se defender. Depois de aprovado o Estatuto, a violência apenas aumentou”, apontou.

Manoel Duca salientou ainda que não é a favor de armar a população, apenas permitir que as pessoas possam se defender. Segundo ele, para que as pessoas consigam andar armadas, passariam por diversos testes e teriam que cumprir requisitos. “Os bandidos estão armados. Desarmar a população é fácil, mas ninguém consegue desarmar os criminosos”, afirmou.

Ainda durante seu discurso, o parlamentar parabenizou a homenagem, da quinta-feira, 19, ao deputado federal Mauro Benevides (PMDB/CE). “Foi uma homenagem merecida, que fez uma retrospectiva da vida política do parlamentar. Parabéns ao deputado Fernando Hugo (PP), autor do requerimento”, frisou.

AL/CE

2 comentários:

  1. Deputado Duquinha: é muito importante sua colocação acima sobre o direito do cidadão poder se defender com o direito de possuir uma arma .no entanto que cumpra os requisitos que possam ser aplicado perante a lei. E ressalto o Brasil precisa de deputado como vc que brigue pelos direitos do cidadão! ass..Aldinete Sampaio !

    ResponderExcluir
  2. Deputado Duquinha: é muito importante sua colocação acima sobre o direito do cidadão poder se defender com o direito de possuir uma arma .no entanto que cumpra os requisitos que possam ser aplicado perante a lei. E ressalto o Brasil precisa de deputado como vc que brigue pelos direitos do cidadão! ass..Aldinete Sampaio !

    ResponderExcluir