Você Repórter!

Você Repórter!

quinta-feira, 15 de setembro de 2016

Ibope aponta empate técnico entre RC e Wagner; Luizianne isolada em terceiro lugar


Pesquisa Ibope, divulgada na noite desta quarta-feira, 14, aponta empate técnico no limite da margem de erro entre os candidatos Roberto Cláudio (PDT), que tem 34% das intenções de voto, e Capitão Wagner (PR), que aparece com 28% das menções dos entrevistados, na disputa pela Prefeitura de Fortaleza. Luizianne Lins (PT) vem em terceiro lugar com 18% da preferência do eleitor de Fortaleza. 

Em comparação com a pesquisa anterior, divulgada no dia 22 de agosto, tanto Wagner quanto RC cresceram fora da margem de erro, que é de três pontos percentuais para mais ou para menos. O gestor municipal saiu de 29% para 34%, enquanto o parlamentar do PR subiu de 21% para 28%. A ex-prefeita manteve o mesmo índice.

Heitor Férrer (PSB) tinha 9% no primeiro levantamento, e agora aparece com 7%. Ronaldo Martins (PRB) tinha 4% e agora tem 3%. João Alfredo (Psol) saiu de 2% para 1%. Francisco Gonzaga e Tin Gomes (PHS) atingiram 1% na primeira pesquisa e agora não pontuaram.

Segundo turno

O Instituto fez três simulações de segundo turno entre os candidatos. Capitão Wagner e Roberto Cláudio aparecem empatados tecnicamente caso a eleição fosse realizada hoje. O deputado possui 43% das menções contra 42% do atual prefeito. Na simulação entre RC e Luizianne, o pedetista leva vantagem com 54% da preferência contra 29%. A deputada também se mantém atrás em caso de disputa com Wagner no segundo turno: 54% a 31%.

Avaliação de governo

Para 44% dos entrevistados a gestão do prefeito Roberto Cláudio é ótima ou boa; outros 37% consideram regular, e 17% avaliam como ruim ou péssima. O instituto, encomendado pela TV Verdes Mares, aponta que 59% das menções aprovam o governo enquanto 37% desaprovam.

O instituto ouviu 805 eleitores entre os dias 11 e 13 de setembro e a pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE). O nível de confiança da pesquisa é de 95%.

O Povo

0 comentários:

Postar um comentário