Você Repórter!

Você Repórter!

sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

Governo do Ceará quer assumir gestão do Parque Nacional de Jericoacoara. Mas município não assinará acordo

O desejo do estado de assumir a gestão do Parque Nacional de Jericoacoara, hoje sob controle do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) é antigo e tomou corpo nos últimos anos. A ideia do governo é cercar o Parque, criar áreas de estacionamento, e cobrar pela entrada. O valor arrecadado seria revertido na limpeza, trânsito, serviços de saúde e segurança.

Em julho de 2014, uma audiência civil pública reuniu promotores de justiça, representantes da Prefeitura de Jijoca de Jericoacoara, do Governo do Estado, do ICMBio, políticos e a população para tentar viabilizar um acordo de cooperação, mas nada saiu do papel. Em novembro de 2015 o governador Camilo Santana e o Deputado João Jaime, chegaram a se reunir com o Ministro do Meio Ambiente para tratar sobre o assunto.

No entanto esse não é o pensamento da população jijoquense, que temem com o futuro da vila e do município com o estado assumindo o controle do parque. Sobre um acordo de cooperação que circula nas redes sociais, daria o direito de o estado cuidar do Parque Nacional de Jericoacoara para cuidar dos recursos naturais e atrativos turísticos. Mais para a população, a intenção seria mesmo de arrecadar recursos para o estado.

Porém o estado não terá vida fácil, e pode ter seus planos indo de água a baixo. Isso porque o Secretário de Turismo e Meio Ambiente de Jijoca de Jericoacoara disse que "o município já começou seu planejamento para cuidar da Vila. Juntos, prefeitura, moradores e comerciantes vamos transformar Jericoacoara, cada qual com suas responsabilidades a serem cumpridas. Esse documento (Acordo de Cooperação para Gestão Compartilhada do Parque Nacional de Jericoacoara) jamais será assinado pelo prefeito e secretário de turismo, isso é utopia".

O prefeito Lindbergh Martins também usou as redes sociais para se pronunciar sobre o tema, e tranquilizou o povo jijoquense dizendo que "Gostaria de dizer a todos os cidadãos que eu não assinarei este acordo! A proposta apresentada não privilegia os nativos e portanto não beneficia a nossa gente!".

0 comentários:

Postar um comentário