Papelix

ANUNCIE NO BLOG O ACARAÚ

Pesquisar no blog

Você Repórter!

Você Repórter!

segunda-feira, 3 de abril de 2017

Equipes do RAIO e do Destacamento de Marco realizam prisões

A cidade de Marco contou na última semana com apoio de equipes de policiais do grupamento RAIO (Rondas de Ações Intensivas e Ostensivas), e junto ao Destacamento de Marco, desencadearem ações para combater a criminalidade que vem tirando a paz da população marquense.

Logo com a chegada do RAIO foram realizadas as primeiras prisões na madrugada de terça-feira, 28, quando no bairro Barro Vermelho, uma equipe do RAIO realizava rondas pelo local, e em uma abordagem de rotina flagrou um rapaz de nome Cosmo Alves de Sousa, 33, natural e residente no município.

O mesmo foi flagrado em posse de 10 papelotes de crack, bem como a quantia de R$ 200 reais em dinheiro trocado, sendo de imediato detido e encaminhado até a delegacia de Bela Cruz para realização dos devidos procedimentos legais cabíveis.

Já na manha de quinta-feira, 30, uma composição do RAIO de folga passava pela Avenida Guido Osterno, área central da cidade, onde teriam reconhecido e realizado a recaptura de um individuo fugitivo da Cadeia Pública de Cruz. O detento identificado como Mario César Cândido Sales, é suspeito de cometer crimes de sequestro e estupro, e foi encaminhado até a Cadeia Pública de Jijoca de Jericoacoara.

Na noite de quinta-feira, 30, os policiais do RAIO em apoio a equipes do FTA do CPI Norte e do Destacamento de Marco, localizaram na BR-402, no município de Marco, um menor identificado pelas iniciais A.A.B.T., 17, foi preso tendo contra o mesmo no sistema policial um Mandado de Busca e Apreensão emitido pela justiça.

O menor teria dito aos policiais pertencer a uma quadrilha que atua na cidade de Marco e região, envolvida em assaltos, homicídios, tráfico e roubo. O mesmo teria ainda assumido participação em crimes de roubo, citando inclusive participação num crime de assalto na cidade de Senador Sá, onde citou nomes de comparsas da cidade de Marco, da localidade de Mucambo e Morrinhos, que atuaram junto ao mesmo no crime.

O menor contou ainda planos do grupo para executar membros de um outro grupo rival que atua no município. O menor disse ainda que a quadrilha ao qual pertence, possui várias armas, como pistolas e revolveres para auxiliar no cometimento dos crimes. Em uma das casas em que o menor costuma passar a noite, os policiais encontraram 20 pedras de crack, além de uma quantia de quase R$ 100 reais em dinheiro.

Com Informações do Portal Vale do Acaraú

0 comentários:

Postar um comentário