Promoção Féria com Leitura da Papelix

segunda-feira, 24 de setembro de 2018

Grupo armado ameaça e atira em diretor de rádio em Jaguaruana

Após ser ameaçado, o diretor da Associação Cearense de Emissoras de Rádio e Televisão (Acert), Sandoval Braga Júnio, foi baleado, em Jaguaruana, nesta última sexta-feira, 21/09, quando quatro homens chegaram à rádio onde Sandoval trabalhava, renderam o diretor e avisaram que era um assalto. Neste momento, Sandoval sofreu um ferimento na perna. Ele está com quadro de saúde estável. As ameaças feitas pelos suspeitos foram para ele "se calar e não falar besteira na rádio". Apesar de terem anunciado o assalto, Sandoval disse que eles não levaram nada. 

O radiodifusor acredita que o motivo para o ataque são as constantes matérias publicadas por ele contra políticos da região. Ele classificou o episódio como um atentado à liberdade de imprensa. Em nota, a Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) informou que está investigando o caso de lesão corporal a bala, em Jaguaruana. A Associação Cearense de Emissoras de Rádio e Televisão – ACERT, por sua diretoria, manifestou em nota seu veemente repúdio ao ato de invasão e violência perpetrado contra a Rádio União FM de Jaguaruana, e contra o radiodifusor Sandoval Braga Junior, integrante do corpo diretivo desta associação, que foi atingido com tiro de arma de fogo. Mesmo que sem maior gravidade o ferimento da vítima da violência, gravíssimo foi a invasão à emissora e a ameaça à livre informação do seu público ouvinte.

0 comentários:

Postar um comentário