Promoção Féria com Leitura da Papelix

quinta-feira, 25 de outubro de 2018

Prefeitos do Baixo Acaraú se reúnem para discutir crise econômica e não descartam demissões e cortes de gratificações e assessorias

Na tarde dessa terça-feira, dia 23 de outubro, reuniram-se na Assembleia Legislativa do Estado de Ceará os prefeitos dos municípios que compõem a região do Baixo Acaraú para tratar de ações que devem ser tomadas imediatamente para combater a crise financeira que prejudica os municípios cearenses. Uma das principais razões desse momento negro porque passam os gestores municipais, são justamente a queda nas receitas estaduais e federais, recursos onde os municípios pequenos são dependentes e a baixa arrecadação própria como IPTU, ISS, Alvarás e outros.

Os prefeitos fizeram um balanço da situação de cada cidade e compartilharam que estão sendo forçados a tomar medidas drásticas para enfrentar a crise financeira, expondo ações que garantam o pagamento das contas de 2018, de modo especial o 13º salário dos efetivos, que tem que ser quitado até dia 20 de dezembro.

Diante deste crítico cenário, os prefeitos que ali estavam encerraram a reunião preocupados com os rumos a serem tomados, não descartando assim, demissões antecipadas dos servidores contratados, corte de gratificações e assessorias. A maior preocupação é que não haja prejuízo à prestação dos serviços como saúde, educação, transporte, limpeza e iluminação pública , entre outros considerados essenciais para população. Estavam presentes os prefeitos dos municípios de Acaraú, Jijoca de Jericoacoara, Cruz, Itarema, Morrinhos, Bela Cruz e Marco. 

0 comentários:

Postar um comentário