Promoção Féria com Leitura da Papelix

quarta-feira, 31 de outubro de 2018

Sindicato APEOC cobra Ampliação Definitiva, Precatórios do FUNDEF e Plano de Cargos e Carreira em Acaraú

O Sindicato APEOC, representado pelo assessor sindical, Roque Melo e pela presidente da Comissão Municipal de Acaraú, Adriana Sousa, se reuniu com o secretário municipal de Educação, Vitor Albuquerque, e com a procuradora do Município, Tereza Vieira, para tratar da pauta da categoria. Entre os assuntos discutidos estão: a Implantação da Mesa permanente de negociação, tendo a gestão afirmado que será aberta; Ampliação Definitiva de Carga Horária, tendo o secretário informado que será elaborado um edital para um Concurso Público até o início do próximo ano; a Elaboração do Plano de Cargos e Carreira de servidores não docentes, tendo o Sindicato APEOC informado que apresentará uma minuta do plano, que será discutida com a prefeitura; Implantação das gratificações da Educação Especial, tendo a gestão informado que irá avaliar e responderá posteriormente. A gratificação é garantida no PCCRM.

Também foi discutido a Aplicação da Progressão Horizontal, quando será criada uma comissão. Foi discutido ainda a readequação do atual PCCR do Magistério, sendo que o Sindicato APEOC apresentará uma minuta do plano. Discutida ainda a Aplicação do Precatório do FUNDEF (60% para o Magistério), sendo que os representantes informaram que só irão discutir depois da garantia do recurso, porém, se mostrou favorável a defesa de que 60% do valor seja para a valorização do Magistério, e a Instalação da Comissão de Gestão da Carreira do Magistério, sendo que a composição será negociada.

Participaram ainda da audiência, da Comissão Municipal de Acaraú, a vice-presidente, Edice Oliveira, a secretária, Renata Santos e a tesoureira, Benedita Oliveira, além do assessor jurídico do Sindicato APEOC, Augusto Neto. O Sindicato APEOC continuará vigilante na defesa dos direitos dos profissionais da Educação de Acaraú, e na luta por uma Educação Pública de qualidade no município.

0 comentários:

Postar um comentário