Você Repórter!

Você Repórter!

segunda-feira, 19 de setembro de 2016

Parlamentares apoiam familiares na capital e interior

Deputado Duquinha apoia a reeleição do filho Alexandre Gomes
Mesmo não disputando cargo público nas eleições deste ano, muitos parlamentares cearenses têm se dedicado às campanhas de familiares. Deputados federais e estaduais, segundo levantamento do Diário do Nordeste, querem que seus parentes, sejam irmãos, esposas, mães ou filhos, tenham assento garantido às Câmaras Municipais ou na chefia do Poder Executivo em diversos municípios do Interior do Estado.

O deputado estadual Tomaz Holanda (PMDB), por exemplo, desistiu da postulação à Prefeitura de Quixeramobim e, agora, passará a se dedicar com mais afinco à candidatura da esposa, Libânia Holanda, a uma das 43 vagas de vereador da Capital. Manoel Santana (PT), que também desistiu da disputa a vice-prefeito de Juazeiro do Norte, indicou o filho, Gabriel Santana, como postulante ao cargo.

Também para a Câmara Municipal de Fortaleza, o deputado federal Adail Carneiro (PP) aposta no filho, Caio Carneiro, pelo mesmo partido. Do mesmo modo, o ex-deputado federal Eugênio Rabelo quer que seu rebento seja vereador da Capital, e faz campanha para André Rabelo, do PPL. Os dois têm 20 anos.

Bruno Gonçalves (PEN), filho do ex-prefeito do Eusébio, Acilon Gonçalves (PEN), está se revezando entre as candidaturas do pai, novamente a prefeito, e da mãe, Marta Gonçalves, do PEN, a vereadora de Fortaleza. Bruno Pedrosa (PP) é outro que aposta na candidatura da mãe, Adriana Pedrosa, do PMN.

José Sarto (PDT) aposta na candidatura do irmão, o vereador Elpídio Nogueira (PDT). O deputado federal Raimundo Gomes de Matos (PSDB) quer ver o filho vereador, e investe na candidatura de Pedro Matos (PSDB).

Fernando Hugo (PP) é outro que quer ver o filho vereador de Fortaleza, Renan Colares (PDT). Os irmãos Carlomano e Magaly Marques, ambos do PMDB, disputam, respectivamente, os cargos de prefeito de Pacatuba e de vereadora da Capital.

Lucilvio Girão (PP) ajuda o irmão, Luciram Girão (PDT), a se reeleger vereador de Fortaleza. Já o deputado estadual Walter Cavalcante (PP) é o maior cabo eleitoral do irmão, Frota Cavalcante (PTN), também na disputa por vaga na Câmara.

No interior do estado, o deputado federal Domingos Neto (PSD), por exemplo, apoia a reeleição da mãe, a prefeita de Tauá, Patrícia Aguiar (PMB). Ainda no Interior, Gony Arruda (PSD) tem se dedicado à candidatura da mãe, Carmen Arruda (PSD). Da mesma forma tem atuado Sérgio Aguiar (PDT) a campanha da esposa, Mônica Aguiar (PDT), em Camocim.

Manoel Duca (PDT) também trabalha para que o filho, Alexandre Gomes, seja reeleito prefeito em Acaraú. Em Maracanaú, a deputada Fernanda Pessoa (PR) tem se dedicado à candidatura do atual prefeito, Firmo Camurça, bem como a do pai, Roberto Pessoa, a vice-prefeito. Do outro lado, o deputado Júlio César Filho (PDT), candidato majoritário, apoia o pai, Júlio César, que hoje disputa uma vaga de vereador.

Em Quixadá, Rachel Marques (PT) se aliou ao adversário histórico Osmar Baquit (PSD) para tentar eleger o esposo, Ilário Marques (PT), outra vez prefeito. Já em Parambu, Filho Noronha (SD) tem o apoio do irmão, o deputado federal e presidente do partido Genecias Noronha.

O presidente do Legislativo Estadual, Zezinho Albuquerque (PDT), trabalha na reeleição do filho, Antônio José (PP), em Massapê. Qualquer que seja o resultado, porém, a cidade seguirá no comando da família, visto que o concorrente de Antônio José é o seu tio, Jacques Albuquerque (PMDB), irmão de Zezinho.

Com Informações do Diário do Nordeste

0 comentários:

Postar um comentário